BTL 2019 terá destaque para nichos e inovação, afirma diretora

Notícias recentes sobre o que acontece de mais importante voltar

LONDRES – A feira dos nichos. É assim que pode ser definida a edição de 2019 da Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL). O evento contará com uma grande atenção aos diversos segmentos e opções que vêm surgindo dentro da indústria. Um exemplo desta estratégia é a nova divisão do programa hosted buyers, que ano que vem passará a contar com mais nichos de mercado, como Turismo Cultural, Turismo de Aventura, Enoturismo, Fly&Drive e Mice, além de outros.

“Cada vez mais o visitante quer saber a experiência que vai encontrar no destino, o que é diferente do destino em si. Uma coisa é visitar Portugal outra e visitar as vinhas de Portugal, pois para isso teremos que ter um produto especializado em enoturismo. Este pensamento também é váliudo para outras áreas”, destaca Fátima Vila Maior, diretora da BTL.

Outra novidade para a feira é a ampliação do BTL Lab, espaço lançado na edição passada e que em 2019 contará com um número maior de iniciativas de inovação na indústria de Turismo. “Não será só tecnologia, mas inovações em geral no Turismo. Queremos deste estudos de algoritmos que identifiquem o perfil do turista a exemplos de gestão hoteleira. Vamos mostrar as pessoas que fizeram um trabalho para inovar”, explica a diretora.

Para 2019 a feira contará com quatro pavilhões que abrigarão cerca de 1,1 mil expositores, entre destinos nacionais e internacionais, hoteleiros, agências e operadoras, além do BTL Lab.

NOVAS EXECUTIVAS

Em visita a WTM 2018, Fátima apresentou o mercado as novas executivas que passarão a integrar a equipe comercial da feira. Mafalda Pereira, no cargo desde setembro, assumiu a posição de gestora comercial. Já a gestão de feiras fica por conta de Dália Palma, executiva que passou a integrar o time em outubro.

Com uma expectativa de receber cerca de 77 mil visitantes, a 30ª edição BTL Lisboa acontece entre os dias 13 e 17 de março de 2018.

Fonte e foto: Mercado e Eventos